Pessoas ficam ilhadas após cabeça d’água atingir rio em Porteirinha.

Reportagem: Rádio Liberdade 87,9FM de Porteirinha-MG.
Publicado em: 13/02/2022 às 20:29.
Última atualização: 14/02/2022 às 00:28.
Visualizações: 457 Views.
Palavras chave: , , , , .
Rádio Liberdade FM Porteirinha - Tromba de Água no Serrado
Fotografia: Redes Sociais.

Uma cabeça d’água foi registrada durante a tarde deste domingo (13), no Parque Estadual do Serra Nova e Talhado, em Porteirinha, no norte de Minas. Segundo algumas pessoas que estavam na região, o nível do Rio Serra Branca subiu repentinamente, após fortes chuvas caírem no alto das montanhas que cercam a região, onde também estão localizadas o complexo de cachoeiras e trilhas do Serrado. Nove pessoas ficaram ilhadas na região do Riacho Doce,  e foi necessário o acionamento do Corpo de Bombeiros, para resgate das vítimas. Três pessoas foram retiradas do local, com técnicas de rapel pelos militares, as outras seis foram resgatadas com o suporte do helicóptero Arcanjo 03 (PR-BOA). Até o momento, não há informações sobre feridos.

O final de 2021 e início de 2022, tem sido atípico em Porteirinha, a cidade tem sofrido muito com as fortes chuvas. Relembre: No dia 08 de dezembro de 2021, chuvas torrenciais atingiram a cidade, deixando moradores em alerta, a região do Serrado foi a mais atingida. Devido a presença de uma área de baixa pressão atmosférica, as chuvas permaneceram pelos 02 dias seguintes, dessa vez a região mais atingida foi a sede do município, onde a chuva causou estragos e deixou diversas famílias desabrigadas.

Tromba d’água e cabeça d’água são popularmente confundidos como o mesmo fenômeno, mas para a meteorologia são distintos e oferecem riscos distintos. A tromba d’água se assemelha a um tornado, mas tem menor intensidade e ocorre sobre superfícies líquidas, como mar ou rio. Os sinais que antecedem estão entre a intensidade dos ventos e a formação de funis e nuvens de tempestade sobre as águas.

Já a cabeça d’água, acontece em rios, quando há repentino aumento do nível de água. Ocorre a partir da intensidade de chuvas na cabeceira ou em regiões mais elevadas, o que influencia no percurso de deságue. Os primeiros sinais de uma tromba d’água são a mudança da cor da água, ficando mais barrosa e suja e também a presença de galhos e folhas na água.

A recomendação básica para qualquer uma das situações de risco, é sair da água o mais rápido possível, de preferência ir para locais mais altos. Afim de se evitar acidentes, o ideal é conferir a previsão do tempo, antes de ir para o local de passeio, não só para a cidade do passeio, mas também para toda a região, e em caso de chuva não se arriscar a entrar nas cachoeiras e ficar próximo a leito de rios.

Para Porteirinha, a previsão é que as chuvas continuem durante toda a semana, o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) emitiu alerta Amarelo, para chuvas intensas e volumosas, podendo variar entre 30 e 60 milímetros por hora ou 50 e 100 milímetros por dia, com a presença de ventos intensos entre 60 e 100 quilômetros por hora,  podendo ocorrer corte de energia elétrica, queda de galhos de árvores, alagamentos e de descargas elétricas.

Em caso de dúvidas ou pedidos de ajuda, entre em contato com a Defesa Civil Municipal, através dos números: (38) 3831-1368 ou (38) 99875-3421 e Defesa Civil Estadual: 199. Para eventuais emergências, entre em contato com a Polícia Militar: 190, SAMU – Serviço Ambulatorial Móvel de Urgência: 192 e Corpo de Bombeiros de Minas Gerais, através do 193.

Veja o vídeo do momento do resgate:

Pessoas ficam ilhadas após cabeça d’água atingir rio em Porteirinha.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Rolar para o topo