Chuvas fortes voltam a causar estragos em Porteirinha.

Reportagem: Rádio Liberdade 87,9FM de Porteirinha-MG.
Publicado em: 26/12/2021 às 13:55.
Última atualização: 26/12/2021 às 14:33.
Visualizações: 789 Views.
Palavras chave: , , , , .
Anuncio
Rádio Liberdade 87FM de Porteirinha-MG - Chuva em Porteirinha
Ruas alagadas no Bairro Beira Rio. Fotografia: Redes Sociais.

Após as chuvas torrenciais que atingiram Porteirinha no dia 08 de dezembro, conforme noticiado pelo nosso site, as chuvas voltaram a cair na cidade durante toda quinta (23) e sexta-feira (24), véspera de Natal. Dessa vez a área mais afetada foi a sede do município. Diversas pontes, ruas e residências ficaram submersas pela água, após o transbordamento do Rio Mosquito, que corta a cidade. A rodovia MGC-BR 122 chegou a ficar interrompida por mais de uma hora, após um córrego transbordar, deixando o transito congestionado, a Polícia Militar precisou controlar o trafego. Segundo informações da Defesa Civil Municipal, 35 residências estão em situação de risco, pelo menos 13 famílias estão desalojadas e outras 04 desabrigadas. Ainda foram registrados deslizamentos de solo em duas regiões da cidade. No bairro Cidade Alta e Vila União, 01 casa caiu e 01 barranco deslizou sobre o muro de uma residência. Moradores fizeram uma força tarefa para tentar salvar o que foi possível, como móveis e eletrodomésticos.

Algumas pessoas relatam que perderam eletrodomésticos após a queda de um raio. Na sede da Rádio Liberdade, o computador principal foi queimado, e seu sistema de irradiação, no Cristo Redentor também teve seus fusíveis queimados, deixando a emissora completamente fora do ar. No bairro São Sebastião e Beira Rio, duas pontes que dão acesso aos bairros, uma praça, diversas ruas e casas, ficaram completamente encobertas pela água. 23 idosos acolhidos pelo asilo da cidade, precisaram ser retirados as pressas e levados para abrigos, cedidos pela prefeitura municipal, pelo menos outras 20 pessoas também estão alojadas nestes abrigos.

Segundo o Instituto Climatempo, a presença de uma Zona de Convergência, mantem as condições favoráveis para a formação de nuvens carregadas sobre o norte de Minas e do Espirito Santo. O instituto ainda alerta para o risco de enchentes, enxurradas, transbordamentos de rios e córregos, alagamentos e deslizamentos de terra, ainda válido para este domingo (24).

Rádio Liberdade 87FM de Porteirinha-MG - Chuva em Porteirinha2
Vista da cidade após as chuva. Fotografia: Redes Sociais.

A prefeitura, cedeu abrigos, caminhões para transporte de mudança, além de carros pipa para distribuição de água potável, e realização da limpeza de ruas e residências. Informou ainda, que a Defesa Civil do município, está prestando toda assistência necessária desde que tomou conhecimento da situação, e que está realizando o levantamento das famílias desabrigadas, para concessão de auxílio aluguel.

A Prefeitura também decretou situação de emergência na cidade. O decreto permite que ações extraordinárias sejam implementadas para assistir e resguardar as famílias atingidas pela chuva. O documento também facilita os trâmites burocráticos da prestação de serviço público em âmbito municipal.

O decreto ainda autoriza a mobilização de todos os órgãos municipais para atuarem sob a direção da Defesa Civil do município, e prevê a convocação de voluntários para reforçar as ações de resposta e realização de campanhas de arrecadação de recursos para os atingidos.

Um comunicado oficial chegou a ser emitido pelo engenheiro Júlio Gabriel, da Secretaria de Agricultura, Pecuária e Abastecimento do estado de Minas Gerais – SEAPA, responsável pela operação e manutenção da Barragem do Rio Mosquito, que permanece sendo monitorada pelas equipes da Defesa Civil Municipal de Serranópolis de Minas, desmentindo os boatos que circularam pelas redes sociais. No comunicado, o engenheiro orienta os moradores e ribeirinhos, tanto de Serranópolis de Minas, quanto de Porteirinha, a não permanecer sobre as margens rio, e pediu para que as pessoas deixassem a água ocupar o leito que o rio traçou em seus longos anos de existência.

Já os rios Serra Branca (Serrado, Comunidade de Serra Branca, Porteirinha, Pai Pedro), Rio Sítio Novo (Porteirinha), Barragem das Lages (Comunidade das Lajes), permanecem com níveis elevados de água e continuam sendo monitorados.

É importante lembrar, que em períodos de chuvas intensas a população deve ficar atenta aos níveis de água nos rios, e em caso de dúvidas ou pedidos de ajuda, entre em contato com a Defesa Civil Municipal, através dos números: (38) 3831-1368 ou (38) 99875-3421 e Defesa Civil Estadual: 199. Para eventuais emergências, entre em contato com a Polícia Militar: 190, SAMU – Serviço Ambulatorial Móvel de Urgência: 192 e Corpo de Bombeiros de Minas Gerais, através do 193.

Chuvas fortes voltam a causar estragos em Porteirinha.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Rolar para o topo